IRESSA 250MG 30 COMPRIMIDOS - ASTRAZENECA ( GEFITINIBE )

Código do produto: 7896206402457

Disponível: Em estoque

Descrição Rápida

IRESSA 250 MG 30 COMPRIMIDOS - ASTRAZENECA PRINCÍPIO ATIVO: GEFITINIBE - ONDE COMPRAR


O medicamento Iressa (Gefitinibe) é indicado para pacientes com câncer no pulmão em estágio avançado.


Agora você pode comprar Iressa 250 miligramas caixa contendo 30 comprimidos com o melhor preço na Oncoexpress Medicamentos Especiais e Oncológicos - Sua Farmácia On-Line em SP.


- Iressa
- Gefitinib
- Cancer Do Pulmão


Visualizar Bula

Disponível: Em estoque

Preço: R$5.643,23

Special Price R$3.874,90

Detalhes

IRESSA 250 MG 30 COMPRIMIDOS - ASTRAZENECA

O que é e como se utiliza?

IRESSA contém a substância ativa gefitinib que bloqueia a proteína chamada “receptor do fator do crescimento epidérmico. Sabe-se que esta proteína está envolvida no crescimento” (EGFR). Esta proteína está envolvida no crescimento e disseminação das células cancerosas.

IRESSA é usado para tratar adultos com cancro das células não pequenas do pulmão. Este cancro é uma doença na qual se formam células malignas (cancerosas) nos tecidos do pulmão. O que se deve tomar em consideração antes de utilizá-lo? Não tome IRESSA se tem alergia (hipersensibilidade) ao gefitinib ou a qualquer outro componente de IRESSA (listado na Secção 6, ‘Qual a composição de IRESSA’). se está a amamentar. Tome especial cuidado com IRESSA Antes de tomar IRESSA informe o seu médico ou farmacêutico se já alguma vez teve outros problemas nos pulmões. Alguns destes problemas podem agravar-se durante o tratamento com IRESSA. se já teve problemas com o seu fígado. Ao utilizar IRESSA com outros medicamentos Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentemente outros medicamentos, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica.

Em particular, informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar algum dos seguintes medicamentos: o Fenitoína ou carbamazepina (para a epilepsia). o Rifampicina (para a tuberculose). o Itraconazol (para infecções fúngicas). o Barbitúricos (um tipo de medicamento usado para problemas do sono). o Medicamentos à base de plantas contendo hipério ( Hypericum perforatum, usados na depressão e ansiedade). Se alguma das situações acima descritas se aplica a si, ou caso tenha dúvidas, fale com o seu médico ou farmacêutico antes de tomar IRESSA.

Gravidez e aleitamento Antes de tomar IRESSA, informe o seu médico se está grávida, planeia engravidar, ou se está a amamentar. Recomenda-se que evite engravidar durante o tratamento com IRESSA uma vez que IRESSA pode prejudicar o seu bebe. Não tome IRESSA se estiver a amamentar. Condução de veículos e utilização de máquinas IRESSA não tem ou tem uma influência insignificante na sua capacidade de conduzir ou de utilizar quaisquer ferramentas ou máquinas. Contudo, se sentir fraqueza enquanto estiver a tomar este medicamento, tome precaução ao conduzir ou utilizar ferramentas ou máquinas. Informações importantes sobre alguns componentes de IRESSA Este medicamento contém lactose. Se o seu médico lhe disse que tem intolerância a alguns açúcares, contate o seu médico antes de tomar este medicamento.

Como é utilizado? Tomar IRESSA sempre de acordo com as indicações do médico. Fale com o seu médico ou farmacêutico se tiver dúvidas. o A dose habitual é de um comprimido de 250 mg por dia. o Tome o comprimido aproximadamente à mesma hora cada dia. o Pode tomar o comprimido com ou sem alimentos. o Não tome antiácidos (para reduzir os níveis de ácido no seu estômago) 2 horas antes ou 1 hora após tomar IRESSA. Se tiver dificuldade em engolir um comprimido, dissolva-o em meio de água sem gás. Não devem ser utilizados outros líquidos. Não esmague o comprimido. Agite até que o comprimido se dissolva. Pode demorar até 20 minutos. Beba o líquido imediatamente. Para garantir que bebeu todo o medicamento, volte a encher o copo com água até meio e beba novamente. Se tomar mais IRESSA do que deveria Se tomar mais comprimidos do que deveria, fale imediatamente com um médico ou farmacêutico. Caso se tenha esquecido de tomar IRESSA O que fazer se esqueceu de tomar uma dose depende de quanto tempo falta para a próxima dose. o Se faltarem 12 horas ou mais para a próxima dose: tome o comprimido que se esqueceu logo que se lembre. Depois, tome a dose seguinte como habitual. o Se faltarem menos de 12 horas para a próxima dose: não tome o comprimido que se esqueceu. Tome o comprimido seguinte à hora normal. Não tome uma dose a dobrar (dois comprimidos ao mesmo tempo) para compensar uma dose que se esqueceu de tomar. Caso ainda tenha dúvidas sobre a utilização deste medicamento, fale com o seu médico ou farmacêutico. Quais são os possíveis efeitos secundários? Como todos os medicamentos, IRESSA pode causar efeitos secundários, no entanto estes não se manifestam em todas as pessoas. Estes efeitos secundários podem ocorrer com determinadas frequências que são definidas da seguinte forma: o Muito frequentes: afetam mais de 1 utilizador em 10 o Frequentes: afetam 1 a 10 utilizadores em 100 o Pouco frequentes: afetam 1 a 10 utilizadores em 1.000 o

Raros: afetam 1 a 10 utilizadores em 10.000 o Muito raros: afetam menos de 1 utilizador em 10.000 o Desconhecido: a freqüência não pode ser calculada a partir dos dados disponíveis Fale imediatamente com o seu médico se detectar algum dos seguintes efeitos secundários - pode necessitar de tratamento médico urgente: o Reação alérgica (pouco frequente), particularmente se os sintomas incluem inchaço da face, língua ou garganta, dificuldade em engolir, urticária (erupção da pele com comichão) e dificuldades em respirar. o Falta de ar grave, ou súbito agravamento da falta de ar, possivelmente com tosse ou febre. Isto pode significar que tem uma inflamação dos pulmões chamada “doença pulmonar intersticial”. Pode afetar cerca de 1 em 100 pessoas que toma IRESSA e pode provocar risco de vida. o Erupções cutâneas graves (raro) que afetam grandes áreas do seu corpo. Os sinais incluem vermelhidão, dor, úlceras, bolhas, descamação da pele. Os lábios, nariz, olhos e órgãos genitais também podem ser afetadas. o Desidratação (frequente) provocada por diarréia grave ou prolongada, vômitos (sensação de mal-estar), náuseas (sensação de enjôo) ou perda de apetite. o Problemas dos olhos (pouco frequente), tais como dor, vermelhidão ou alterações da visão ou crescimento das pestanas para dentro do olho. Isto pode significar que tem uma úlcera na superfície do olho (córnea). Informe o seu médico se detectar algum dos seguintes efeitos secundários:

Efeitos secundários muito frequentes: o Diarréia o Vômitos o Náuseas o Erupções cutâneas, tais como erupção tipo acne, por vezes com comichão e pele seca e/ou pele lesionada o Perda de apetite o Fraqueza o Secura, vermelhidão ou inflamação da boca o Aumento de uma enzima hepática conhecida por ala nina aminotransferase numa análise ao sangue; se muito elevado, o seu médico pode dizer-lhe para parar de tomar IRESSA.

Efeitos secundários freqüentes: o Secura, vermelhidão ou comichão dos olhos o Vermelhidão e inflamação das pálpebras o Problemas de unhas o Perda de cabelo o Febre o Hemorragia (como hemorragia do nariz ou sangue na sua urina) o Proteínas na urina (observado num teste à urina) o Aumento de bilirrubina e de uma enzima hepática conhecida por aspartato aminotransferase numa análise ao sangue; se muito elevado, o seu médico pode dizer-lhe para parar de tomar IRESSA. o Aumento dos níveis de creatinina numa análise ao sangue (relacionado com a função renal). o Cistite (sensação de ardor ao urinar e necessidade freqüente e urgente de urinar).

Efeitos secundários pouco freqüentes: o Inflamação do pâncreas. Os sinais incluem dor muito grave na parte superior do estômago e náuseas graves e vômitos. o Inflamação do fígado. Os sintomas podem incluir uma sensação de mal-estar geral, com ou sem eventual icterícia (coloração amarela da pele e dos olhos). Este efeito secundário é pouco freqüente: contudo, alguns doentes morreram por este efeito. o Perfuração gastrintestinal.

Efeitos secundários raros: o Inflamação dos vasos sanguíneos na pele. Pode ter a aparência de nódoas negras ou manchas de erupções amareladas na pele. o Cistite hemorrágica (sensação de ardor ao urinar e necessidade freqüente e urgente de urinar, com sangue na urina). Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar quaisquer efeitos secundários não mencionados neste folheto, informe o seu médico ou farmacêutico.

Como deve ser guardado?

Manter fora do alcance e da vista das crianças. Não utilize IRESSA após o prazo de validade impresso na embalagem exterior, blister e na película de alumínio laminado após EXP.

O prazo de validade corresponde ao último dia do mês indicado. Conservar na embalagem de origem para proteger da umidade. Os medicamentos não devem ser eliminados na canalização ou no lixo doméstico. Pergunte ao seu farmacêutico como eliminar os medicamentos de que já não necessita. Estas medidas irão ajudar a proteger o ambiente.

Tags do Produto

Use espaços para separar as tags. E aspas simples (') para frases.

Queremos saber sua opinião

Produto: IRESSA 250MG 30 COMPRIMIDOS - ASTRAZENECA ( GEFITINIBE )

Gefitinibe com as melhores condições é na Oncoexpress
É a melhor opção para comprar Gefitinibe com melhor preço. Faça seu pedido com as melhores condições de pagamento. Fale conosco e peça agora!